quarta-feira, 4 de setembro de 2013

Estrutura capilar (parte 2) Aminoácidos




Olá pessoas!
Esta é a 2ª parte da série sobre estrutura capilar, espero que gostem pois foi preparada com muita dedicação.
Se você está conhecendo a caixa(da)preta agora, saiba mais sobre a intenção desta série, clique aqui.
E se você perdeu a 1ª parte desta série clique aqui.
Sem mais delongas, bora ao que interessa!






É importante lembrar que 85% da estrutura do fio de cabelo é formado por queratina, que por sua vez é formada por 19 tipos de aminoácidos.

Pense na parede, pensou?
Então, para essa parede estar de pé precisou de vários tijolinhos. Então podemos dizer que esta parede é a queratina e os tijolinhos os aminoácidos... eu aprendi assim.

Quem faz o cronograma capilar sabe que a 3ª fase consiste como função principal repor a queratina dos cabelos (fortalecimento).
Os aminoácidos (tijolinhos) são;

  • CISTINA (14 a 16,5%)
Ajuda no crescimento.
  • ÁCIDO GLUTÂMICO (14,3 a 15,5%)
Ele é usado na fabricação de surfactantes (Não encontrei nada sobre a função deste nos cabelos)
  • SERINA (9,6 a 10,8%)
É hidratante. Melhora as propriedades físicas da fibra do cabelo tais como o brilho, aspecto de liso, maciez e integridade das cutículas.
  • ARGININA (8,8 a 9,6%)
Estimula a micro-circulação para uma melhor nutrição do bulbo capilar, favorecendo a troca de nutrientes entre a raiz e o fio. Também possui propriedade hidratante.
  • TREONINA (6,5 a 7,5%)
Ajuda a produzir Glicina e Serina. E é muito usado em cosméticos farmacêuticos.
  • LEUCINA (6,4 a 6,9%)
Fundamental na regeneração dos cabelos, é essencial para a estrutura das proteínas e enzimas.
  • ÁCIDO ASPÁRTICO (5,6 a 6,5%)
Indispensável para síntese da Arginina.
  • VALINA (5,0 a 5,8)

  • GLICINA (3,3 a 3,5%)
 É necessário para a conservação da pele e dos cabelos.
  • PROLINA (3,6%)
É o aminoácido mais rígido, sendo ele então que dá rigidez ao fio de cabelo. Além de ser um dos aminoácidos que são componentes primários da proteína colágeno.
  • ALANINA (2,8 a 3,5%)
É um aminoácido que ajuda na formação da vitamina B6. Possui propriedades hidratantes, e é usado em cosméticos para produzir surfactantes e vitaminas.
  • LISINA (2,6 a 3,1%)
Ajuda a obter um cabelo alinhado da raiz as pontas por mais tempo. Ela potencializa a absorção do calcio, ajudando no fortalecimento, crescimento e regeneração dos cabelos.
  • ISOLEUCINA (2,3 A 2,5%)
Crescimento dos fios.
  • FENILALANINA (2,2 a 2,8%)
Ligado diretamente a melanina, dando cor a pele e aos cabelos - Falamos no post anterior.
  • TIROSINA (2,1 a 2,7%)
Ligado a pigmentação dos fios, a cor vibrante dos cabelos é devido a este aminoácido. É encontrado nos cosméticos  tendo como objetivo a proteção contra raios UV.
  • HISTIDINA (0,8 a 1,1%)

  • TRIPTOFANO (0,8 a 1,2%)
Recupera e mantém a integridade do fio evitando a quebra.
  • METIONINA (0,5 a 0,9%)
Reforça a estrutura do cabelo e combate a queda.
  • ÁCIDO CISTEICO (Algum vestígio)



Em fim, toda esta formação pode ser alterada ou diminuída ao longo das Ações Mecânicas (Ato de pentear, sol, vento, exposição dos raios UV etc.) e/ou Ações Químicas (Relaxamento, alisamentos, permanentes, tinturas etc.) falamos sobre isso no post anterior.
A falta destes aminoácidos causam a quebra e a queda dos cabelos. A forma de suprir estas necessidades é através da alimentação saudável e através de cremes ricos em aminoácidos diretamente no cabelo.

É claro que não vamos correr feito loucas para comprar 19 tipos de produtos diferentes, cada um com um aminoácido diferente. Mas, podemos por exemplo escolher aquele que nos oferece pelo menos 1 ou 3 para o benefício dos nossos cabelos.
Eu remondo este da Novex que ´bom para o meu bolso, mas, tem uns superpopulares e mais caros como os da marca Amend "RMC Sytem" embalagem vermelha.



Acho que depois deste post, vamos ficar muito mais atentos aos aminoácidos existentes nos cremes de cabelo. 
Quem nunca viu no rótulo dos cremes escritos assim, "Rico em Arginina"? Então, agora sabemos identificar os Aminoácidos necessários para mantermos os cabelos saudáveis.

***

E por hoje é só! Espero que tenham gostado.
Não deixem de comentar e não percam o próximo post. Na parte 3 falaremos de tipos, formas, problemas e o ciclo do cabelo.

E eu fico por aqui!
Beijos.